Ser Autor Home Favoritos Feed


segunda-feira, 12 de janeiro de 2009

Só Para Mulheres - Clarice Lispector

"Por favor, não use: Cinto largo, de qualquer espécie, nem faixas, se você não tem cintura fina. Muitas mulheres pensam que eles fazem cintura. Engano. Cinto e faixa nunca foram objeto de talha num corpo feminino. São apenas enfeites para quem já tem cintura fina. Nada mais."

O "conselho" acima nada tem de surpreendente, embora seja tão válido hoje quanto foi nas décadas de 50 e 60, período em que ele e outros foram publicados. O que talvez surpreenda é saber que muitos "conselhos" como este foram escritos por Clarice Lispector.
Poucos sabem que Clarice, reconhecida e aclamada pela prosa considerada hermética, escreveu também para colunas em suplementos femininos, sempre fazendo uso de pseudônimos ou como ghost writer.
Só Para Mulheres reúne parte das colunas publicadas pela autora que, além de valer-se de sua rica experiência pessoal, mantinha-se atualizada consultando publicações que iam desde "Bünte", "Paris Match" e "Jours de France" a "Vogue" e "Elle" intermacionais.
De maneira divertida e inteligente, Clarice passeou por assuntos prosaicos com o mesmo talento que esbanjava ao escrever ficção. Só Para Mulheres, além de conter conselhos atuais como aquele sobre os cintos, é uma quase viagem no tempo. Nas notas reproduzidas no livro estão retratadas também as impressões e opiniões da autora sobre as mulheres daquela época, de modo que é possível imaginar quais eram suas prioridades, desejos e ambições.
Em Só Para Mulheres está uma parte da Clarice vaidosa – que chegou a pedir que trocassem suas fotos em um jornal, por terem sido tiradas na época em que, segundo ela, estava gorda –; da Clarice mãe e esposa, preocupada com a educação dos filhos, os jantares e a decoração da casa; e da Clarice amiga, que revela em tom intimista seus segredos e truques de culinária, moda e beleza. Encontramos uma Clarice que, por tudo isso, torna-se ainda mais próxima de todas nós, mulheres – o que nos dá, talvez, o direito de querer ser um pouco como ela; por que não?



Só Para Mulheres, organização Aparecida Maria Nunes
Clarice Lispector
Editora Rocco
168 páginas

2 comentários:

Thays disse...

Gozado... Nunca imaginei Clarice dando dicas de moda! Deve ser um livro muito interessante...

Luna disse...

Esse livro é incrível! Ele fala do mundo feminino de todas as formas e vistas possiveis!
A mulher esposa, a mulher dona-de-casa, a mulher namorada, a mulher mulher.
Sem mais delongas, aconselho a ler, ler e ler de novo.

Postar um comentário

Blog Widget by LinkWithin